oi =}

"Não cobiço nem disputo os teus olhos, não estou sequer à espera que me deixes ver através dos teus olhos, nem sei tão pouco se quero ver o que vêem e do modo como vêem os teus olhos. Nada do que possas ver me levará a ver e a pensar contigo se eu não for capaz de aprender a ver pelos meus olhos e a pensar comigo.
"
(Iniciação - Ademar Santos)

18 de agosto de 2010

Eu não preciso

Eu não preciso acordar com falas sobre mim.
Mas escutei calada como se nem tivesse acordada, só pra ver até onde ia. 
Ás 10 horas da manhã eu tenho forças pra escutar o que não quero, mas as 6 horas eu não tenho. 

Minha fase de chorar por raiva já passou, minha fase de não chorar também, agora eu só choro, quando eu quero, de tristeza mesmo.

É que eu não entendo como alguém pode pedir perdão pra alguém que não vê enquanto tem alguém esperando um perdão do lado. Aí eu acho muito confuso ouvir um "eu te amo" depois de tantas palavras jogadas descuidadosamente. Confusões sempre me entristecem e tiram as forças, que eu nem tinha.

4 comentários:

  1. Amar dá trabalho, mas o amor é paciente.
    Jefhcardoso do
    http://jefhcardoso.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. sofrendo é muito "agora."

    nesse dia eu tava sofrendo, mas agora, nem tanto. heh

    ResponderExcluir

Leu? Já fez o mais difícil! Agora comenta, vai! =)