oi =}

"Não cobiço nem disputo os teus olhos, não estou sequer à espera que me deixes ver através dos teus olhos, nem sei tão pouco se quero ver o que vêem e do modo como vêem os teus olhos. Nada do que possas ver me levará a ver e a pensar contigo se eu não for capaz de aprender a ver pelos meus olhos e a pensar comigo.
"
(Iniciação - Ademar Santos)

9 de janeiro de 2018

"Continuo" (ou não) atualizada. Versão 2018.


1. Ainda não superei esse trânsito. Mas, pelo amor de Deus, preciso acabar com isso!

2. Fui bastante ao cinema. Um musical tolerante (e bom) na vida: La la land. Pior Oscar o de 2017. Cada vez pior o menino Oscar.

3. Acredito que foi o ano que menos assisti filme na Netflix. Continuo firme em Grey's anatomy. Vi umas novas séries.

4. Preciso tirar o foco do drama, procurarei um novo defeito, já que tenho quase 30 e drama é coisa de 23 anos. Como charminho posso usar. Impaciência?

5. Podcast ainda ouço, mas muitos acabaram ou estão menos frequentes, em compensação, ouvi muitas músicas (e pregações do Josemar Bessa). Na minha vida surgem trilhas sonoras repentinas cantadas personalizadamente e lindamente. Até eu tenho uns surtos musicais. Prevejo maior envolvimento musical.

6. Cheguei a pesar 54 kg, mas agora já estou na normalidade. A dança de salão agora é uma atividade constante, porém, ainda flácida. Planos para enrijecimento.

7. Posso ter um professor particular de música. Só preciso perder a vergonha. Rs

8. Descobri Salon line e estou cortando meu próprio cabelo.

9. Não fui em nenhum casamento em 2017, espero ser convidada pra algum em 2018, nem que seja o meu. Mas acho que esse ano promete!

10. Stories no instagram ficou bem melhor, não? Tenho usado bastante nas horas entediantes. Snapchat morreu?

11. Diagramei mais um livrinho, foram mais de 1800 páginas diagramadas, somando com as do meu trabalho diário. Queria ser, de fato, designer editorial e fazer mais livros, assim como ler mais. Li 8 livros no ano, mas "1984" e "o fim da eternidade" valeram por muitos!

12. Essas raízes com crises de asa. Mas é bom voar e ter pra onde voltar. Tô mexendo no meu apartamento e preparando tudinho pro meu futuro espacinho. Muitas ideias pra móveis planejados.

13. Tomei atitudes mais maduras esse ano. Fui prudente e peço a Deus pra que assim continue, afinal, quase 30.

14. Tenho me irritado profundamente com o nosso país. Eu queria mesmo era ganhar na mega-sena e resolver a parte da grana e depois focar no que importa. Mas não deu. De vez em quando penso em mudar de área e me dedicar a coisas como filosofia e teologia, uma coisa acadêmica. Mais teórica e reflexiva, mas que tem mais envolvimento na prática do que imaginamos, como eu.

15. Visitei amigos queridos em São Paulo, uma grande amiga voltou pra Belém e viajamos. Além de viajar com meus pais, o que sempre quis fazer.

16. Sei que o ensino é algo que Deus tem me dado. Quero me dedicar a isso. Quero poder falar mais entre mulheres também.

17. Viber está instinto da minha vida. Os apps de 2017 foram easyvest, qik e inter. Olha que maduro.

18. Não como fígado mesmo. Não lembro se provei algo diferente. Só sei que preciso comer menos, mas quero tours gastronômicos.

19. Quero poucos fardos. Usando o "não" toda vez que o "sim" não for com certeza.

20. Comprovando (C. S. Lewis) que há melhores coisas do que qualquer coisa que deixamos para trás. Boas amizades nem sempre estão perto, mas nunca realmente estão longe.

21. Tirei meu passaporte para poder pensar além de Brasil. Em 2017 fui pra Fortaleza, Jeri (onde fiz stand up paddle), Carolina (onde fiz tirolesa) e São Paulo novamente. Será que tô mais aventureira? Quero tirar meu visto americano, mas o sonho é Paris.

22. Namorando, e bem feliz com ele e com isso :)

23. Preciso usar protetor solar.

24. Deus é bom embora não saibamos o que ele prepara. Mas sempre é além e melhor do que imaginamos.

25. Reformas custam muita grana.

26. 2017 foi o ano dos investimentos. Estudei por conta próprio alguns investimentos e descobri que curto essas paradas. Mesmo que eu tenha receio das paradas e continue no básico.

27. Casamento é um sonho. É milagre, perdão, graça, amor. Deus fará milagre em mim esse ano! A igreja diz amém?

28. Tentei aprender francês! Mas não é assim, né, tão fácil. Je suis une femme, j'aime la pomme et les chatsMas vamos focar no inglês primeiro. 

Feliz aniversário pra mim (:





13 de maio de 2017

Cotidiano 07 - Seu Genésio

Seu Genésio disse que, como sou de Capricórnio, sou desconfiada, que mesmo que tudo esteja desmoronando, eu aparento tranquilidade.
Eu disse que era meio chata. Ele deu uma arregalada de olhos e falou que não, sabendo me levar, não era, não. Também disse que eu era humilde, embora sutil.

Tá vendo? Eu ser essa chatice de pessoa é culpa sua que não sabe me levar, e a minha desconfiança é explicada por eu ter nascido em janeiro.

Amo signos. Tira toda a minha culpa.

18 de janeiro de 2017

Maturidade cristã? Quando?

Estava pensando sobre a minha caminhada.

Em 2008 ganhei uma bíblia que o nome era "Talita", uma personagem infantil, uma bíblia para criança na versão NVI.
Disseram que era a minha cara.

Mesmo que eu estivesse na igreja há 18 anos e convertida há 10, nunca tinha lido a bíblia toda. Apenas as partes de sempre do novo testamento, e as de sempre, do antigo.

Naquele ano li a bíblia toda, a linguagem fazia a leitura fluir.
Ao final do ano resolvi fazer este blog, porque vi uma matéria sobre o círio de Nazaré na TV e não conseguia conversar com ninguem sobre aquilo, entrei na internet e postei.

Com o blog, descobri o mundo dos blogs.
Um deles o "voltemos ao evangelho" que estava no seu início. E comecei a acompanhá-lo.

Aos 20 anos tive uma meta de vida frustrada, e li o livro "uma vida com propósito". Aos 21, ganhei o livro "satisfação em Deus", do John Piper, de alguém que até hoje não sei (Queria agradecê-lo (a) por isso).

Aos 22 anos fui para um retiro de uma igreja que eu tinha preconceitos, com uma amiga recém batizada. Conheci pessoas maravilhosas.

Eu já estava no processo de procurar aprender cada vez mais de Deus e da sua Palavra, e sim, eu tinha boas amizades, mas não com o mesmo papo. Eu me encantei. Haviam jovens interessados no que eu me interessava. Motivada por esses amigos, resolvi fazer teologia.

Foram quase 3 anos de teologia e aprendendo coisas que eu pensava que sabia, mas que era só na superfície. Fui pro mundo dos podcasts, virei professora de EBD na igreja que frequento, e percebi que Deus me queria na área de ensino. O que eu tento me convencer a todo dia.

Durante esse tempo quis parar de fazer teologia porque virei uma chata. Acho que tem esse momento na vida de todo mundo que faz.
E eu não suportava entendimentos errados das coisas e nem me suportava mais. Pra não descobrir mais coisas, pensei em parar. Foi. Foi isso que pensei: "Não quero saber. Isso dá muito sofrimento. Essas pessoas aqui não sabem nada disso e parece mais fácil viver assim".

Então vi que pessoas que eu considerava cristãs verdadeiras não concordavam sempre comigo, mas falavam coisas que só o Espírito poderia falar e de uma forma mais adequada que eu, talvez só soubessem viver melhor, parei de frescura e segui firme.

Tem uma fase que Deus deve falar: "olha só, meu filho, você está crescendo, muito bem, vamos agora colocar umas provações pra que você viva isso, ok?"

E meu calo caiu na expressão "vontade de Deus". Que complicado isso é. Procurei livros com posicionamentos diferentes e resolvi seguir uma linha. E estou indo por ela.

Aos 25 anos, quando terminei o curso, eu me sentia bem amadurecida.

Tive aulas e leituras de livros que mudaram a minha vida. Como "cosmovisão, libertando o cristianismo do cativeiro cultural".

As aulas de cosmovisão me fizeram ver o mundo com outros olhos. Ser mais compassiva por saber que realmente é difícil enxergar o mundo de uma forma que você não consegue ver se alguém não for lá e te fazer olhar de outra forma.

Você nascer de novo não significa que você vai logo enxergar bem. Não é a toa que a bíblia fala de leite para os que não são maduros na fé. Criança é criança. Jovens são jovens. Adultos são adultos.

Não me considero tão madura, mas prossigo tentando. Tenho erros tão imaturos que choro só de pensar neles quando os percebo, e olha que vivo tentando percebê-los.

Mas tenho visto que Deus tem me conduzido pra aprender mais dele, da sua Palavra, de vivência-lá e mais ainda, de comprová-la na minha vida para outros.

A cada dia entendo mais a ofensa que é nosso pecado a Deus. E o quanto desprezamos o seu amor e brincamos com sua santidade e justiça.

Viver isso é muito difícil.
Em um mundo gigantesco com vários caminhos e desvios, Ele é a única porta e o caminho estreito.

9 de janeiro de 2017

"Continuo" (ou não) atualizada. Versão 2017.

1. Continuo com medinho do trânsito. Até encarei umas vezes no ano, não o tanto que  poderia e gostaria. Não consigo entender como que algumas pessoas que dirigem conseguiram tirar a carteira. Mas esse ano preciso superar isso.


2. O papo é assistir filme bom. A vida é muito curta pra assistir filme ruim e o cinema é muito caro pra ficar assistindo tudo. 

3. Nem assisti tanto Netflix assim, mas voltei com Grey's anatomy (Sobrou tempo pra ler mais - e reler).

4. Não tem porque ficar ansiosa e preocupada quando a confiança está em Deus, mas descansar é difícil. Dramas também não são legais.

5. Tentando apreciar mais música. Ouço podcast de vez em quando. Uns nao cristãos pra entender como pensam. Mamilos é um podcast que ajuda a ser tolerante ao mesmo tempo que me deixa tão triste por as pessoas se acharem boas e espertas.

6. Espero ficar com 58 kg por toda a vida. Estou com 64 cm de cintura. Uma vitória.

7. "Não sou uma pessoa pra música". Descobri que minha frustração por não ter passado no Carlos Gomes me influenciou a ter toda essa vergonha. Mas descobri que não passar lá não significa não ter aptidão nenhuma hehe. Fiquei mais feliz e perderei a vergonha de agora em diante. Talvez.

8. Tô na moda. A moda é o cabelo cacheado.

9. Só fui em dois casamentos. Peguei novamente uma florzinha do buquê em cada um, mas isso não significa nada.

10. Nem to usando Snapchat. O snap do Instagram é lento. Odiei muito o Whatsapp ano passado. 

11. Não escrevi muito e muito menos escrevi um livro. Mas fiz parte da equipe que fez um livro que está edificando muitas pessoas por aí. Talvez Deus não me queira escrevendo livros e sim ajudando a fazê-los. Talvez Deus até queira, mas ainda não me fez saber disso.

12. Raízes definitivamente. Quero meu próprio lar. 

13. Maturidade só vem com vivência. E vivência com gente boa pra se viver. Tem gente que vive muito em pouco tempo. Tem gente velha que nunca viveu nada.

14. Depois da reforma da previdência e mudanças no país, acho que estou é muito bem. Todos vão trabalhar a vida toda. Se posso continuar no meu trabalho a vida toda, graças a Deus por isso.

15. Viajei com uma amiga querida pra SP. Conheci pessoalmente pessoas que só conhecia pela internet (pelo twitter e por esse blog aqui). A internet é maravilhosa, apesar de poder ser uma desgraça pra alguns.

16. O papo é usar tudo o que Deus deu pra sua obra. A minha vida é dEle. Sei que o ensino é algo que Deus tem me dado. E sei que ele direciona tudo. Disposta estou. Mas cada vez sei que sei menos das coisas. 

17. Viber apenas para boas conversas. 

18. Não como fígado, mas gente... porco bem feito é uma delícia, né?! 

19. Tolerância, paciência, empatia. Quero muito. Porque... JESUS, QUE DIFÍCIL!!!

20. Novos relacionamentos. Tentativas de amizades. Quanto mais o tempo passa mais difícil fica ter boas amizades. Mas amizade com casal é legal!

21. Só fui pra SP mesmo. Viajar é bom, mas tudo é questão de prioridade. 

22. Namorando :}

23. O amor é o melhor creme pra pele que existe, e a preocupação é a pior dieta. 

24. O pecado é uma desgraça, mas Deus é gracioso :)

25. Tenho um apartamento agora, disque.

26. Ser adulta é ter uma planilha escrito "orçamento 2017 limites".

27. Penso que a melhor definição pra casamento é: Milagre, perdão e Graça. E desculpa, nem preciso falar de Amor com isso.

4 de outubro de 2016

Justiça

A balança não criava uma condição mediana e de igualdade, mas de uma relação justa entre partes opostas.
A justiça não é crer no médio ou no médio crer, a justiça não é mediocre.
Não é a ideia de que nós vamos conseguir estabalecer uma realidade em que as coisas sejam exatamente iguais.
A justiça está mais na relação harmoniosa que na ausência de extremidades, ou de situações opostas e conflitantes.
É a pacificação dos diferentes.
A harmonização dos contrários.
É uma consciência de condição.
A justiça não tá focada na pobreza.
Não é a mera TRANSFERÊNCIA de riqueza, mas pretende a CONSCIÊNCIA de riqueza.

Não se faz justiça distribuindo pão, se ao distribuir pão isso não se configurar uma mesa.
Deus não preparou marmita, Deus prepara uma mesa.

O rico não é feliz na sua riqueza e o pobre não é infeliz na sua pobreza.
Ricos e pobres são infelizes porque a riqueza e a pobreza estão fazendo com que eles não se relacionem, não sejam irmãos.

Se toda a riqueza do mundo fosse distruibuída, isso não ia produzir justiça.
Se nós conseguíssemos distribuir toda a riqueza, o que teríamos no fim seria a indiferença.
O mundo ia sossegar na ideia de que não há diferenças e essas diferenças não incomodam.

Porque Deus insiste na pobreza, se Ele é o único que consegue resolver o problema da fome?
Como falar de justiça se ainda temos cautela um com os outros?
Justiça é uma relação concialiada.


"O jejum que desejo não é este: soltar as correntes da injustiça, desatar as cordas do jugo, pôr em liberdade os oprimidos e romper todo jugo?
Não é partilhar sua comida com o faminto, abrigar o pobre desamparado, vestir o nu que você encontrou, e não recusar ajuda ao próximo?
Aí sim, a sua luz irromperá como a alvorada, e prontamente surgirá a sua cura; a sua retidão irá adiante de você, e a glória do Senhor estará na sua retaguarda.
Aí sim, você clamará ao Senhor, e ele responderá; você gritará por socorro, e ele dirá: Aqui estou. "Se você eliminar do seu meio o jugo opressor, o dedo acusador e a falsidade do falar;
se com renúncia própria você beneficiar os famintos e satisfizer o anseio dos aflitos, então a sua luz despontará nas trevas, e a sua noite será como o meio-dia.
O Senhor o guiará constantemente; satisfará os seus desejos numa terra ressequida pelo sol e fortalecerá os seus ossos. Você será como um jardim bem regado, como uma fonte cujas águas nunca faltam.
Isaías 58:6-11


Não. Esse texto não é meu. Ouvi um podcast e retirei algumas partes para formá-lo.
O podcast é o "Missão na Íntegra", sobre justiça e juízo, com Paulo Júnior.
Não concordo com tudo o que foi falado no podcast, até porque nem entendi tudo hahaha, e achei partes estranhas,
mas essas partes iniciais falaram muito comigo e resolvi compartilhar :)





24 de agosto de 2016

Cotidiano 06 - Filosofias

Agora que cheguei na parte "O mundo moderno", no livro de filosofia que estou lendo. Ainda não li sobre Nietzsche, Sartre, Simone de Beauvoir, e Foucault. Mas já passei por Hobbes, Adam Smith, Marx e Peirce.

Acho incrível que quando lemos sobre a história da filosofia, vemos que é ela que acaba dando as orientações para a ciência, política, economia e etc. E essas áreas  conversando fazem trocas e contribuições umas para as outras.

Dessa forma, fica totalmente sem sentido dividirmos, como cristãos,  vida espiritual, de vida profissional, vida acadêmica, ou qualquer outra. Deveríamos, nesse ponto de coerência, aprender mais com as filosofias orientais, que foram por outros rumos.
E dessa forma também fica impossível empurrarem o cristianismo para o campo particular/pessoal, porque nada é tão particular assim.

Todo o mundo é regido por filosofia, e a bíblia sempre nos alertou, "vãs filosofias". Às vezes nem sabemos, mas quando estudamos a história fica óbvio que a partir do momento que não se quer que Deus exista, milhares de mentes trabalham para que assim seja. Nunca o matarão, mas vão levando a Deus para o lado fantasioso, simplesmente particular  e pragmático.
 "- Se funciona pra você, OK. (É isso que a minha filosofia diz, afinal, não existe verdade).
E nós simplesmente dizemos:
"- Sim, funciona pra mim, é assim que creio".
E paramos por aí. Agindo assim concordamos totalmente com a filosofia que contrasta com a nossa fé, ao invés de propagarmos a Verdade e de testemunharmos do Evangelho.

Criticam que a bíblia foi escrita por homens e tem milhares de falhas, é antiga, ultrapassada. Tem falhas, sim, de homens. Não mascara nada. Porém, o mundo em que vivemos tem milhares de bíblias que não são sagradas, escritas por homens que não foram inspirados, que cometeram muitos erros, mas são seguidos por todos.

Temos muita dificuldade de entender muitas coisas na bíblia pois vivemos em um mundo fixado nos conceitos de Aristóteles e ela parece ta mais pro lado de Platão.

Li que Aristóteles considerava as mulheres inferiores e era a favor da escravidão. Ele era uma negação em ética e sociedade, mas a bíblia, pra agradar, precisa dizer cientificamente como o mundo foi criado. Além de ser patriarcal demais pra ser considerada nos dias atuais.

Grandes filósofos erraram em muitos pontos, e mesmo assim, contribuíram significativamente, pela misericórdia, providência, e soberania de Deus, para o mundo em que estamos. Não precisamos ficar nos defendendo como cristãos, só precisamos ser cristãos de fato, até porque é o próprio Deus que faz nascer de novo e dá uma nova mente pra que vivamos longe do mal, mesmo no Mundo.

18 de junho de 2016

Pensamentos aleatórios (04)

Se há algo melhor que assistir filme, é assistir filme comentando nas horas e brechas ideais. Que não sei se vocês sabem, mas são planejadas pelos diretores. Porém são raras e breves, e os telespetadores devem calar-se logo depois. São poucos os que sabem fazer isso. Ao reconhecer uma pessoa que reconhece tal momento, nunca mais a deixe sair da sua vida.

28 de janeiro de 2016

Cotidiano 05 - Só hoje

Tem dias que eu vejo uma velha em pé no ônibus, olho para todos sentados, olho pra mim mesma e penso:
"Desculpa, velhinha, mas SÓ HOJE eu vou ser que nem todo mundo e não vou levantar daqui por nada."

Cansei. Ninguém faz e eu tenho que fazer?

Então penso que o mundo deve tá uma merda devido aos SÓ HOJE de todos.
Essa palavra vicia.